Quarta-feira, 22 de Junho de 2011

 

 

 

É hoje a grande estreia do espectáculo duplo do grupo LAKKA (Brasil) em Lisboa, na Sala Polivalente do CAM, no âmbito do Programa Gulbenkian Próximo Futuro! Dado o limite de lugares da Sala, aconselhamos vivamente a aquisição dos seus bilhetes on-line.

 

“O Corpo é a Mídia da Dança? + OUTRAS PARTES” é um projeto de dança que está organizado em forma de sistema, ou seja, uma parte leva ou pode levar a outra, uma vez que todas as partes possuem autonomia de criação. O objetivo do trabalho é fazer dança em vários suportes e formatos, no sentido de provocar os seguintes questionamentos no público: em que corpo é possível produzir dança hoje? Em que suporte? Em que mídia?

 

 

HOJE, 22 de Junho (quarta-feira)

 

21h30 Sala Polivalente do CAM DANÇA / Bilhete único: 12 Eur

"O Corpo é a Mídia da Dança? + Outras Partes

grupo LAKKA (Brasil) 

 

 

AMANHÃ, 23 de Junho (quinta-feira)

19h00 Sala Polivalente do CAM DANÇA / Bilhete único: 12 Eur

"O Corpo é a Mídia da Dança? + Outras Partes"

grupo LAKKA (Brasil)

 

 

22h00 Anfiteatro ao Ar Livre CINEMA / Bilhete único: 3 Eur 

Apnée, de Mahassine Hachad (Marrocos), 2010, 10’

When China met Africa, de Marc e Nick Francis (Reino Unido), 2010, 75’ 

 

 

CONTINUAM

 

10h00 às 18h00 (3.ª a domingo) Edifício-Sede EXPOSIÇÃO / Cada bilhete: 4 Eur (excepto aos domingos, que são de entrada livre)

"Fronteiras" / 8.ºs Encontros Fotográficos de Bamako

Até 28 de Agosto 2011

 

08h00 às 20h00 Jardim Gulbenkian ARTE PÚBLICA / Entrada Livre

NANDIPHA MNTAMBO (África do Sul)

KBOCO (Brasil)

RAQS MEDIA (Índia)

Até 30 de Setembro 2011

 

projecto CHAPEÚS-DE-SOL (arq. Inês Lobo)

BÁRBARA ASSIS PACHECO (Portugal)

RACHEL KORMAN (Brasil)

ISAÍAS CORREA (Chile)

DÉLIO JASSE (Angola)

Até 30 de Setembro 2011

 

 

Bilheteira on-line, aqui.

Site do PRÓXIMO FUTURO, aqui.
No Facebook, aqui.
No Twitter, aqui.


publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Terça-feira, 21 de Junho de 2011

Nsiro, Ilha de Moçambique (2003), de Sérgio Santimano

 

 

O fotógrafo moçambicano radicado na Suécia, SÉRGIO SANTIMANO, apresentou na passada quarta-feira, na cidade de sueca de Upsala uma exposição de fotografias intitulada "Africa has the floor". A mostra integrou a ECAS 2011 - 4th European Conference on African Studies entre 15 e 18 de Junho e em Agosto estará disponível na internet em acesso livre, sendo exibida em Setembro na Feira do Livro de Gotemburgo 2011.

Para saber mais basta navegar por aqui.



publicado por Próximo Futuro às 16:00
link do post | comentar | partilhar

 

 

 

Estreia já amanhã (4.ª f, dia 22 de Junho), às 21h30, o duplo espectáculo do bailarino e coreógrafo Vanilton LAKKA, que com o seu grupo apresentará um dos seus projectos de grande fôlego: "O corpo é a mídia da dança?"+ "Outras partes". Guarde já o seu lugar na bilheteira on-line.

 

Em um mundo cada vez mais informatizado, quais são as possibilidades de construção do que podemos entender como Dança? Qual é o suporte possível para a Dança? O Corpo do intérprete pode ser entendido como um suporte assim como o computador, um material gráfico ou um telefone? Qual Dança épossível? Em que corpo/suporte, em que Mídia?

 

Vanilton Lakka, o coreógrafo e intérprete brasileiro, que se integra no movimento da dança contemporânea que está a acontecer no Brasil e que participa da renovação da paisagem da dança sul-americana, possui formação em dança clássica, dança-jazz e danças de rua. Traz os contextos sociais e tecnológicos presentes nas cidades do princípio deste século para o universo da sua dança, que, subtil, plena de detalhes e gestos coreográficos, física e plástica, é original na forma como se estende a outros suportes, nomeadamente aos novos media, sem que com isso ’arrefeça‘ o espectáculo ou as coreografias percam dinâmicas humanas.

 

 

"O corpo é a mídia da dança?"+"Outras partes" sobe ao palco da Sala Polivalente do CAM da Gulbenkian nos dias 22 de Junho (4.ª f), às 21h30, e 23 de Junho (5.ª f), às 19h00. Cada bilhete custa apenas 12 Eur (bilhete único para as duas performances).



publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Segunda-feira, 20 de Junho de 2011

 

"Recreate” é uma linha de móveis concebida pela designer Katie Thompson, cujo lema dita a transformação de “coisas banais em algo extraordinário”. Objectos perdidos algures pela casa, partidos ou mesmo já sem qualquer utilidade, ganham novos contornos e funções em sofás, pufes e mesas. 

Dica da Elisa Santos para continuar a ler aqui.



publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Domingo, 19 de Junho de 2011

 

Aquarium Materialis

 

 

Outro concerto imperdível, desta vez dividido em duas partes, porque dedicado às sonoridades diurnas e nocturnas em pleno lago do Jardim Gulbenkian, utilizando uma gigantikarpz: um instrumento com cordas de 75 metros de comprimento que ligam duas margens e nas quais se encontram duas caixas acústicas. Numa encontraremos Victor Gama e noutra Pedro Carneiro. Do seu encontro resulta "Aquarium Materialis"...

 

Victor Gama tem construído o seu trabalho em torno de rituais entre tecnologia e Natureza. Não é necessário conhecer bem a fundo a sua biografia para se perceber que as suas raízes estão no continente negro. Victor Gama utiliza a sua música e os seus magníficos instrumentos – criados por si e que sobrevivem gloriosamente como singularíssimas obras de arte – como veículos criativos e tradutores desse mundo, dando origem a uma música que, embora singular, não deixa de ser também universal. Os fantásticos instrumentos que Pedro Carneiro e Victor Gama apresentam no Jardim da Gulbenkian são peças que se ancoram ao solo, sobrevoam o espaço e usam o espelho de água do lago como superfície interlocutora. É uma mediação perfeita entre os instrumentistas e a fauna e flora. Separada em duas partes, a peça divide-se entre opostos, reflectindo, mais uma vez, a dicotomia da natureza: uma parte diurna, repleta de vida, cheia de cores e de luz, vibrando intensamente; e uma parte nocturna, em que o mistério impõe que nos percamos em fantasias, deixando que o imaginário e as palavras tomem conta da nossa percepção.

 

 

 

HOJE, 19 de Junho (domingo)

 

19h00 (1.ª parte) e 22h00 (2.ª parte) Jardim Gulbenkian MÚSICA / Bilhete único: 12 Eur

"Aquarium Materialis"

Victor Gama (Angola) e Pedro Carneiro (Portugal)

 

PRÓXIMO ESPECTÁCULO, 22 de Junho (quarta-feira)

21h30 Sala Polivalente do CAM DANÇA / Bilhete único: 12 Eur

"O corpo é o mídia da dança" + "Outras partes"

LAKKA (Brasil)

 

 

CONTINUAM

 

10h00 às 18h00 (3.ª a domingo) Edifício-Sede EXPOSIÇÃO / Cada bilhete: 4 Eur (excepto aos domingos, que são de entrada livre)

"Fronteiras" / 8.ºs Encontros Fotográficos de Bamako

Até 28 de Agosto 2011

 

08h00 às 20h00 Jardim Gulbenkian ARTE PÚBLICA / Entrada Livre

NANDIPHA MNTAMBO (África do Sul)

KBOCO (Brasil)

RAQS MEDIA (Índia)

Até 30 de Setembro 2011

 

projecto CHAPEÚS-DE-SOL (arq. Inês Lobo)

BÁRBARA ASSIS PACHECO (Portugal)

RACHEL KORMAN (Brasil)

ISAÍAS CORREA (Chile)

DÉLIO JASSE (Angola)

Até 30 de Setembro 2011

 

 

Bilheteira on-line, aqui.

Site do PRÓXIMO FUTURO, aqui.
No Facebook, aqui.
No Twitter, aqui.

 

 

 

 

 

 

 

 



publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Sábado, 18 de Junho de 2011

Drumming - Grupo de Percussão (foto: Susana Neves)

 

 

E se a programação de teatro teve início a 16 de Junho, com a estreia de “Woyzeck on the Highveld” (é hoje a última apresentação, às 19h), a de música começa hoje às 21h30, no Anfiteatro ao Ar Livre, com um concerto único da Orquestra Gulbenkian, o Drumming – Grupo de Percussão e Matchume Zango (Timbila de Moçambique), tendo Pedro Neves por Maestro.

 

 

HOJE, 18 de Junho (sábado)

 

19h00 Sala Polivalente do CAM TEATRO / Cada bilhete: 20 Eur 

"Woyzeck on the Highveld" (África do Sul)

HANDSPRING PUPPET COMPANY, com encenação e videos de WILLIAM KENTRIDGE 

(última apresentação) 

 

21h30 Anfiteatro ao Ar Livre MÚSICA / Cada bilhete: 18 Eur

Orquestra Gulbenkian, Drumming Grupo de Percussão e Matchume Zango (Timbila de Moçambique)

Programa - Maestro Pedro Neves

Steve Reich, Drumming: Part I

Marlos Nobre, Concerto N.º 2/a para 3 Percussões e Orquestra, Opus 109a (2011) [versão encomendada pelo grupo Drumming, a quem Marlos Nobre dedica a partitura]

(Sem Autor) Timbila, Música Africana para Percussão

Iannis Xenakis, Pithoprakta

Gyorgy Ligeti, Romanian Concerto

 

Matchume Zango e Drumming - Grupo de Percussão (foto: Susana Neves)

 

 

AMANHÃ, 19 de Junho (domingo)

 

19h00 (1.ª parte) e 22h00 (2.ª parte) Jardim Gulbenkian MÚSICA / Bilhete único: 12 Eur

"Aquarium Materialis"

Victor Gama (Angola) e Pedro Carneiro (Portugal)

 

 

CONTINUAM

 

10h00 às 18h00 (3.ª a domingo) Edifício-Sede EXPOSIÇÃO / Cada bilhete: 4 Eur (excepto aos domingos, que são de entrada livre)

"Fronteiras" / 8.ºs Encontros Fotográficos de Bamako

Até 28 de Agosto 2011

 

08h00 às 20h00 Jardim Gulbenkian ARTE PÚBLICA / Entrada Livre

NANDIPHA MNTAMBO (África do Sul)

KBOCO (Brasil)

RAQS MEDIA (Índia)

Até 30 de Setembro 2011

 

projecto CHAPEÚS-DE-SOL (arq. Inês Lobo)

BÁRBARA ASSIS PACHECO (Portugal)

RACHEL KORMAN (Brasil)

ISAÍAS CORREA (Chile)

DÉLIO JASSE (Angola)

Até 30 de Setembro 2011

 

 

Bilheteira on-line, aqui.

Site do PRÓXIMO FUTURO, aqui.
No Facebook, aqui.
No Twitter, aqui.


publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Sexta-feira, 17 de Junho de 2011

(Na foto: Eucanaã Ferraz)

 

 

Hoje é dia de grandes LIÇÕES do Próximo Futuro, reunindo investigadores, poetas e professores de diversas geografias (Brasil, Camarões, EUA e Portugal), em torno de reflexões sobre “Democracia e a Ética do Mutualismo” (a partir da “experiência Sul-africana”), “Qual o futuro próximo da Poesia?”, “As grandes incertezas da historiografia africanista” e “Produção, utilização e partilha do conhecimento na economia global”, todas com entrada livre!

E à noite sobe ao palco "Woyzeck on the Highveld", para a segunda de apenas três apresentações em Lisboa. Dado o limite os lugares na sala aconselhamos vivamente que adquiram os vossos bilhetes on-line o quanto antes. As apresentações de hoje e amanhã (a última) estão quase esgotadas.

 

 

HOJE, 17 de Junho (sexta-feira)

 

09h30 - 17h30 Auditório 2 LIÇÕES / Entrada Livre (Tradução simultânea disponível; sinopses e bios aqui)

 

09h30

ACHILLE MBEMBE (África do Sul)

DEMOCRACIA E A ÉTICA DO MUTUALISMO. APONTAMENTOS SOBRE A EXPERIÊNCIA SUL-AFRICANA

 

11h00

EUCANAÃ FERRAZ (Brasil)

DA POESIA – O FUTURO EM QUESTÃO

 

14h30

MARGARIDA CHAGAS LOPES (Portugal)

PRODUÇÃO, UTILIZAÇÃO E PARTILHA DO CONHECIMENTO NA ECONOMIA GLOBAL

 

16h00

RALPH AUSTEN (EUA)

AS GRANDES INCERTEZAS DA HISTORIOGRAFIA AFRICANISTA: EXISTE UM TEMPO ‘AFRICANO’ E PODE O SEU PASSADO ANUNCIAR O SEU FUTURO?

 

 

21h30 Sala Polivalente do CAM TEATRO / Cada bilhete: 20 Eur 

"Woyzeck on the Highveld" (África do Sul)

HANDSPRING PUPPET COMPANY, com encenação e videos de WILLIAM KENTRIDGE 

 

 

 

AMANHÃ, 18 de Junho (sábado)

 

19h00 Sala Polivalente do CAM TEATRO / Cada bilhete: 20 Eur 

"Woyzeck on the Highveld" (África do Sul)

HANDSPRING PUPPET COMPANY, com encenação e videos de WILLIAM KENTRIDGE 

(última apresentação) 

 

21h30 Anfiteatro ao Ar Livre MÚSICA / Cada bilhete: 18 Eur

Orquestra Gulbenkian, Drumming Grupo de Percussão e Matchume Zango (Timbila de Moçambique)

Programa - Maestro Pedro Neves

Steve Reich, Drumming: Part I

Marlos Nobre, Concerto N.º 2/a para 3 Percussões e Orquestra, Opus 109a (2011) [versão encomendada pelo grupo Drumming, a quem Marlos Nobre dedica a partitura]

(Sem Autor) Timbila, Música Africana para Percussão

Iannis Xenakis, Pithoprakta

Gyorgy Ligeti, Romanian Concerto

 

 

Bilheteira on-line, aqui.

Site do PRÓXIMO FUTURO, aqui.
No Facebook, aqui.
No Twitter, aqui.


publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Quinta-feira, 16 de Junho de 2011

Projecto Chapéus-de-Sol no Jardim da Gulbenkian (foto: Jorge Martins Lopes) 

 

 

Começa hoje um novo ciclo de actividades do Programa Gulbenkian PRÓXIMO FUTURO e cá estamos nós para vos lembrarmos de tudo o que não podem perder nos próximos 18 dias!

De 16 de Junho a 3 de Julho há exposições, conferências, espectáculos de teatro e dança, concertos e cinema ao ar livre, tudo na Gulbenkian em Lisboa, reunindo obras de criativos de diversas geografias. Teremos o maior prazer em contar convosco neste ponto de encontro da Europa, África, América Latina e Caraíbas!

 

 

HOJE, 16 de Junho (quinta-feira)

 

17h00 Jardim Gulbenkian INAUGURAÇÃO ARTE PÚBLICA / Entrada Livre

NANDIPHA MNTAMBO (África do Sul)

KBOCO (Brasil)

RAQS MEDIA (Índia)

 

CHAPEÚS-DE-SOL

BÁRBARA ASSIS PACHECO (Portugal)

RACHEL KORMAN (Brasil)

ISAÍAS CORREA (Chile)

DÉLIO JASSE (Angola)

 

21h30 Sala Polivalente do CAM TEATRO / Cada bilhete: 20 Eur 

"Woyzeck on the Highveld" (África do Sul)

HANDSPRING PUPPET COMPANY, com encenação e videos de WILLIAM KENTRIDGE

 

 

 

 

AMANHÃ, 17 de Junho (sexta-feira)

 

09h30 Auditório 2 LIÇÕES / Entrada Livre (Tradução simultânea disponível)

ACHILLE MBEMBE (Camarões), "Democracia e a Ética do Mutualismo. Apontamentos sobre a Experiência Sul-Africana"

EUCANAÃ FERRAZ (Brasil), "Da Poesia - O Futuro em Questão"

MARGARIDA CHAGAS LOPES (Portugal), "Produção, Utilização e Partilha do Conhecimento na Economia Global"

RALPH AUSTEN (EUA), "As Grandes Incertezas da Historiografia Africanista: Existe um Tempo 'Africano' e Pode o Seu Passado Anunciar o Seu Futuro?"

 

21h30 Sala Polivalente do CAM TEATRO / Cada bilhete: 20 Eur 

"Woyzeck on the Highveld" (África do Sul)

HANDSPRING PUPPET COMPANY, com encenação e videos de WILLIAM KENTRIDGE 

 

 

Bilheteira on-line, aqui.

Site do PRÓXIMO FUTURO, aqui.
No Facebook, aqui.
No Twitter, aqui.


publicado por Próximo Futuro às 14:00
link do post | comentar | partilhar

 

 

 

"O X Congresso da União Africana de Arquitectos (UAA) inciado terça-feira em Luanda prossegue para discussão dos sub-temas A Geo-urbanidade, Sistemas e Redes, Habitats e Culturas e Habitação. Numa organização da Ordem dos Arquitectos de Angola, o congresso aborda também a África Glocal Arquitecture, o novo conceito de urbanização "Kimbópolis", que resulta da subposição de dois temas Kimbo (zonas rurais) e Polis (cidade)."

Continuar a ler aqui.



publicado por Próximo Futuro às 06:30
link do post | comentar | partilhar

Quarta-feira, 15 de Junho de 2011

Breve vislumbre de "Woyzeck on the Highveld", com William Kentridge

 

 

A Handspring Puppet Company acabou de vencer o Tony Awards pela melhor peça com "War Horse"!

Na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, esta famosa companhia de teatro de marionetas apresentará já amanhã, dia 16 de Junho, às 21h30, a imperdível adaptação da obra de Georg Buchner encenada pelo artista e realizador sul-africano William Kentridge: "Woyzeck on the Highveld".

 

"Woyzeck no Highveld" é uma adaptação da famosa peça do escritor alemão Georg Büchner sobre ciúme, assassinato e a luta de um indivíduo contra uma sociedade insensível que acabou pordestrui-lo. O Woyzeck de Buchner era um soldado alemão de 1800. Nesta versão, Woyzeck é um trabalhador migrante na Joanesburgo de 1956: uma paisagem da industrialização estéril. A produção – a primeira colaboração entre a Handspring e o reconhecido artista e realizador William Kentridge – reúne marionetas manipuladas à vara e filme animado para ilustrar graficamente a mente torturada de Woyzeck quando ele tenta compreender as suas circunstâncias externas.

Dirigida por Kentridge, a peça estreou no Standard Bank National Arts Festival em Grahamstown (em 1992), seguindo para uma temporada no Teatro do Mercado, em Joanesburgo, no mesmo ano. Posteriormente, viajou para a Alemanha, Espanha, Bélgica, Escócia, Inglaterra, Hong Kong, Austrália, Nova Zelândia, França e Estados Unidos da América – onde, em 1994, no Joseph Papp Public Theater, assinalou a abertura do Segundo Festival de Nova Iorque de Teatro de Marionetas da Henson Foundation.

Um convite do Festival de Marionetas do Mundo levou a Handspring e Kentridge a repô-la em 2008 em Perth e Brisbane (Austrália), e a prolongar a sua apresentação no Teatro do Mercado de Joanesburgo, e em Baxter (Cidade do Cabo). A itinerância do espectáculo continuou em Stavanger, na Noruega (Novembro de 2008) para, depois da tourné pelos EUA no Outono de 2009, regressar à Europa.

 

Woyzeck on the Highveld” sobe ao palco da sala polivalente do CAM da Gulbenkian nos dias 16 e 17 de Junho (esta quinta e sexta-feira, respectivamente), às 21h30, e 18 de Junho (sábado), às 19h.

Dado o limite de lugares da sala aconselhamos a aquisição dos bilhetes via on-line, aqui.

 

 

Mais links para conhecer “Woyzeck on the Highveld”:

Handspring Puppet Company 

William Kentridge’s biography and film

“Woyzeck on the Highveld”: video, audio, press, links and more 



publicado por Próximo Futuro às 14:30
link do post | comentar | partilhar

sobre
Próximo Futuro é um programa Gulbenkian de Cultura Contemporânea dedicado em particular, mas não exclusivamente, à investigação e criação na Europa, na América Latina e Caraíbas e em África.
Orquestra Estado do Mundo
This text will be replaced by the flash music player.
posts recentes
links
arquivos
tags
subscrever