Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Próximo Futuro

Próximo Futuro

02
Ago11

Luanda já não tem

Próximo Futuro

(foto de Ana Rodrigues)

 

 

Luanda já não tem o Roque Santeiro, o maior mercado a céu aberto de toda a África, a escorrer do Sambizanga para o Porto como lava de vulcão;

 

Luanda já não tem tanto lixo, nem tantos loucos a vaguear, nem tantas crianças errantes, nem tantas armas, em poses tensas ou colos adormecidos, à porta de estabelecimentos.

 

Luanda já não tem a Rainha Ginga, altiva, no topo da Rua da Missão, não tem Mercado do Kinaxixe a honrar o nome da praça, nem as letras curvas e amarelas da Cuca a encimar o prédio azul e toda a paisagem em redor;

 

Não tarda a nova cidade, esta que faz intervenções cirúrgicas, com implantes de arranha-céus, estará de corpo ao léu nas novas praias da Ilha entre a Baía e o Atlântico.

 

 

Elisa Santos

 

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2012
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2011
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2010
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2009
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D